Últimos dias: iluminação cênica da Ponte da Amizade será encerrada no sábado, dia 15

O maior símbolo de integração entre Brasil e Paraguai se ilumina todas as noites com as cores das respectivas bandeiras, simbolizando a união das mais de 80 etnias que vivem na Tríplice Fronteira.

A programação da iluminação cênica do maior monumento de integração entre Brasil e Paraguai, a Ponte da Amizade, termina no próximo sábado, dia 15 de janeiro. Até lá, quem passar à noite pelo local ou imediações terá tempo de apreciar a via iluminada com as cores das bandeiras dos dois países, simbolizando a união dos povos das três fronteiras, onde vivem mais de 80 etnias.

As cores projetadas nos pilares e arco de sustentação podem ser vistas das 20h à 1h. A iniciativa – financiada pela Itaipu Binacional a partir de uma proposta apresentada pelo Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social de Ciudad del Este (Codeleste) no Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social de Foz do Iguaçu (Codefoz) –, ganhou o apoio de várias instituições e da população local.

A gestão do trabalho é feita por uma comissão formada pela Itaipu e Fundo de Desenvolvimento e Promoção Turística do Iguaçu (Fundo Iguaçu), com o engajamento de vários parceiros, como o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), a Receita Federal, a Polícia Rodoviária Federal e órgãos municipais de Foz do Iguaçu. No município vizinho, também apoiaram o projeto a Armada Paraguaia e a prefeitura de Ciudad del Este.

Foi uma forma de fortalecer os laços de amizade entre Brasil e Paraguai, unindo beleza e turismo. A imagem da iluminação cênica da ponte teve bastante repercussão positiva e ganhou mídia espontânea em vários cantos do mundo. A beleza “instagramável” viralizou nas redes sociais. Foi um presente das duas margens de Itaipu para moradores e visitantes da região.

A iluminação em 550 metros da Ponte da Amizade consumiu mais de 300 horas de trabalho, de acordo com a empresa contratada para o serviço, e envolveu 120 pessoas, que atuaram direta ou indiretamente na ação. Os equipamentos têm tecnologia LED, mais eficientes e com menor gasto de energia. Para o show, foram instalados 46.800 metros de cabos de energia, 1.800 metros de cabos de dados (CAT 5), 92 suportes, 130 painéis de luz e 50 refletores.

O controle das luzes e da alternância de cores é feito a partir do mirante da Receita Federal, do lado brasileiro. De acordo com a empresa, a mesa de controle é de última geração e permite múltiplas possibilidades de programação.

Fotos: Rubens Fraulini/Itaipu Binacional

Fotos: Christian Rizzi/Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu

Rolar para cima
×

Atendimento via WhatsApp

× Como posso te ajudar?
poupup2CMT2022