Foz do Iguaçu recebe segundo voo internacional.

Na próxima terça-feira (20), a Azul estreia a ligação direta entre o Aeroporto de Foz e Montevidéo, capital do Uruguai. O prefeito Chico Brasileiro destacou nesta sexta-feira (16) o segundo voo internacional que será lançado na próxima terça-feira (20) em ligação direta do Aeroporto de Foz do Iguaçu com Montevidéu, capital do Uruguai, em duas frequências semanais.

“É mais uma excelente notícia que vai impulsionar o nosso turismo internacional que tem dado sinais claros de recuperação plena”, disse Chico Brasileiro. No início do mês foram retomados os voos diretos com Santiago, no Chile.

O novo voo será operado pela companhia aérea Azul, que já abriu a venda de passagens antecipadas em seu site. As partidas para a capital uruguaia serão às terças-feiras às 13h35, com previsão de chegada às 15h35. O voo de volta será no mesmo dia, com decolagem às 16h35 e previsão de chegada ao Destino Iguaçu às 18h35. Aos sábados, a partida de Foz será das 12h55 com chegada às 14h55, e retorno de Montevidéu às 15h55 e chegada às 17h55.

“A chegada deste segundo voo internacional confirma que nossa principal atividade econômica passa por um momento muito vigoroso de recuperação. Teremos um final de ano que só víamos antes da pandemia e 2023 será um ano de fartura para nossos atrativos turísticos e as mais de 50 atividades envolvidas, que vão de hospedagem, gastronomia, comércio e serviços em geral”, projetou Chico Brasileiro para os próximos meses.

O prefeito lembra que o principal termômetro do turismo de Foz do Iguaçu e a Tríplice Fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina, o Parque Nacional do Iguaçu, tem registrado números expressivos em sua visitação nos últimos meses. “Em novembro, por exemplo, mais de 159 mil pessoas viram as Cataratas do Iguaçu com uma vazão incrível, muito acima do normal, que é de 1,5 milhão de litros de água por segundo”.

“Este desempenho representa mais de 81% da visitação de novembro de 2019, ano pré-pandêmico, quando mais de 196,6 mil foram ao atrativo”, ressaltou. Chico Brasileiro também destacou a visitação do atrativo nos primeiros 11 meses deste ano. “De janeiro a novembro, mais de 1,2 milhão de pessoas visitaram as nossas Cataratas, o que representa uma recuperação de 70% no comparativo ao mesmo período de 2019, ano do recorde histórico do turismo de Foz do Iguaçu”.

Estrangeiros

Outro indicador forte da recuperação do turismo, na avaliação do prefeito, é o número expressivo de visitantes estrangeiros que estão voltando ao Destino Iguaçu. “Em novembro as Cataratas receberam visitantes de 100 diferentes nacionalidades, daí a importância de recebermos voos internacionais, o que vai fazer só aumentar a presença de estrangeiros”, afirmou. 

Entre os visitantes de outros países que ingressaram no Parque Nacional do Iguaçu no penúltimo mês de 2022, os argentinos lideram, seguidos dos estadunidenses, paraguaios, franceses, espanhóis, alemães, colombianos, ingleses, italianos, mexicanos, canadenses, uruguaios, peruanos, bolivianos, chilenos, holandeses, australianos, suíços, israelenses, afegãos e sul-coreanos.

Chico Brasileiro acredita que a presença de turistas da América do Sul em Foz do Iguaçu dará um salto nos próximos meses, após a retomada, no dia 6 de dezembro, dos voos operados as quintas-feiras e domingos pela companhia aérea JetSMART, com ligação direta com Santiago, capital do Chile. Os voos, que estrearam em janeiro de 2020, foram interrompidos pela pandemia da covid-19, retornaram apenas para a temporada do verão 2021-2022. 

“Agora, esta conexão aérea, será permanente”, ressaltou o prefeito. A volta dos voos é motivo de felicidade para todos os envolvidos com o turismo e de orgulho para Foz do Iguaçu, que irá aumentar a integração com os povos da América do Sul. “Além de gerar desenvolvimento e renda, este voo irá incentivar a ida de nossos moradores para o Chile, fortalecendo os laços de amizades com outros povos, que é uma vocação natural da nossa cidade e região”, concluiu.
Fonte: https://www5.pmfi.pr.gov.br/noticia.php?id=51336

Rolar para cima
×

Atendimento via WhatsApp

× Como posso te ajudar?